Maratona literária de verão 2020



Resultado de imagem para maratona literaria de verao 2020

Olá Pessoal, tudo bem?

Vocês já conhecem a maratona literária de verão? É um desafio para ler mais durante um tempinho, duas semanas, criado pelo Victor do canal Geek Freak. O tema deste ano são coisas místicas! As cartas criadas estão incríveis e a maratona começa oficialmente dia 11 de Janeiro.

Devo avisar que todo ano (desde uns 2 anos atrás), eu falo que vou participar mas nunca participo de verdade. MAS ESSE ANO ISSO VAI ACONTECER, FINALMENTE!

Eu sou um péssimo exemplo porque hoje que eu lembrei e achei que o formulário já estaria fechado, mas talvez alguma mágica tenha acontecido e ainda estava aberto! Então vamos que vamos! 

Vale lembrar que não é preciso estar inscrito no formulário para participar, mas é essencial para concorrer nos sorteios que irão rolar ao longo da maratona. 

Vou deixar todos os links para participar, e o vídeo do canal dele aqui: 
・ Formulário de inscrição: https://forms.gle/3BBs6x6HHJr5n32n7

・ Teste para descobrir a sua classe: https://bit.ly/2ON8mLY

・ Roleta-Tarô Ametrine: https://bit.ly/2LOp4sy

・ Roleta-Tarô Jaspe: https://bit.ly/2RLepTb

・ Roleta-Tarô Lazuli: https://bit.ly/2qI3n62

・ Imagem com o significado de todas as cartas: https://bit.ly/37jmgfp

Depois de fazer o teste e descobrir que sou da classe Jaspe, sorteei inicialmente 3 cartas e já escolhi livros para elas:

A força: Um livro de um gênero ou autor que você goste muito;

Comecei bem!! Para essa categoria eu escolhi o livro Anexos da autora Rainbow Rowell, que ganhou o meu coração com Eleanor e Park, e um dos meus livros favoritos da vida, Fangirl!


Anexos - capaSinopse: Beth Fremont e Jennifer Scribner-Snyder sabem que alguém está monitorando seus e-mails de trabalho. (Todo mundo na redação sabe. É política da empresa.) Mas elas não conseguem levar isso tão a sério, e continuam trocando e-mails intermináveis e infinitamente hilariantes, discutindo cada aspecto de suas vidas. Enquanto isso, Lincoln O’Neill não consegue acreditar que este é agora o seu trabalho – ler os e-mails de outras pessoas. Quando ele se candidatou para ser “agente de segurança da internet”, se imaginou construindo firewalls e desmascarando hackers – e não escrevendo um relatório toda vez que uma mensagem esportiva vinha acompanhada de uma piada suja. Quando Lincoln se depara com as mensagens de Beth e Jennifer, ele sabe que deveria denunciá-las. Mas ele não consegue deixar de se divertir e se cativar por suas histórias. No momento em que Lincoln percebe que está se apaixonado por Beth, é tarde demais para se apresentar. Afinal, o que ele diria...?


A carruagem: Continuar uma série;

Um desafio que eu já sei que não vou cumprir! O escolhido dessa categoria foi As crônicas de Nárnia, uma série incrível que eu comprei o livro há muito tempo e mesmo apaixonada pelos filmes e pelo universo como um todo, nunca consegui terminar. Então, só tenho a dizer que: AGORA VAI (ou não)!
Julia Dias segurando as crônicas de NárniaSinopse: Viagens ao fim do mundo, criaturas fantásticas e batalhas épicas entre o bem e o mal - o que mais um leitor poderia querer de um livro? O livro que tem tudo isso é ''O leão, a feiticeira e o guarda-roupa'', escrito em 1949 por Clive Staples Lewis. MasLewis não parou por aí. Seis outros livros vieram depois e, juntos, ficaram conhecidos como ''As crônicas de Nárnia''. Nos últimos cinqüenta anos, ''As crônicas de Nárnia'' transcenderam o gênero da fantasia para se tornar parte do cânone da literatura clássica. Cada um dos sete livros é uma obra-prima, atraindo o leitor para um mundo em que a magia encontra a realidade, e o resultado é um mundo ficcional que tem fascinado gerações. Esta edição apresenta todas as sete crônicas integralmente, num único volume. Os livros são apresentados de acordo com a ordem de preferência de Lewis, cada capítulo com uma ilustração do artista original, Pauline Baynes. Enganosamente simples e direta, ''As crônicas de Nárnia'' continuam cativando os leitores com aventuras, personagens e fatos que falam a pessoas de todas as idades.



O louco: Um livro que você comprou recentemente ou acabou de lançar;

Como na outra categoria eu escolhi um livro extenso, para essa resolvi pegar leve. Escolhi um livro chamado “Este é o mar” que eu comprei recentemente em uma promoção da Saraiva, escrito por uma autora argentina. O livro é bem fino e parece que vai ser uma leitura fácil. Estou animada!

Este é o mar - capa
Sinopse: Mariana Enriquez constrói em novo livro um universo sombrio em que lendas do rock encontram fãs fanáticos e seres mitológicos Lendas do rock nunca fenecem. E tudo porque entregaram a vida às Luminosas, seres atemporais que se alimentam dos aspectos mais pungentes da devoção humana. Kurt Cobain? Lenda criada por Violeta. Sid Vicious? Gina. Jim Morrison? Marianne. No universo de Este é o mar , se tornar uma verdadeira lenda do rock envolve seres mitológicos femininos e um mundo intenso e sombrio, marcado pelo esquecimento e pelas lembranças que atravessam gerações. Helena é uma das responsáveis por manter a engrenagem do fanatismo a todo vapor, incitando os jovens fãs humanos a darem tudo de si e a consumirem seu ídolo. No entanto, não quer ser apenas uma abelha operária. Para se tornar uma Luminosa, precisa criar uma nova Lenda. Agora, tendo a morte como aliada, sua missão é eternizar James Evans, o vocalista da banda Fallen — uma árdua tarefa em meio à era da fugacidade dos desejos.Após a repercussão de As coisas que perdemos no fogo , que consagrou o estilo da autora em unir horror a aspectos do cotidiano, Este é o mar traça na esfera do mitológico os aspectos mais perturbadores e indizíveis da essência humana. Um retrato visceral da adolescência e da nossa sociedade, que reafirma Mariana Enriquez como uma das vozes mais potentes da literatura argentina contemporânea. 

Depois disso, sorteei uma quarta carta, para o caso (que muito provavelmente não vai acontecer) de eu terminar os três anteriores e surpreendentemente tirei a torre.

A torre: Leitura livre! Pode escolher o que quiser;

Nessa categoria escolhi um livro que a primeira vista não é tao a minha "vibe" assim. Ele veio na caixinha que o Literatour nos mandou em dezembro, que você pode assinar a qualquer momento com nosso cupom de desconto. Espero me surpreender com gêneros e histórias fora da minha zona de conforto. O título escolhido foi Suave é a noite do F. Scott Fitzgerald.

Sinopse: “Um dos aspectos marcantes de Suave é a noite é o fato de ser o personagem principal um psiquiatra que se casa com a paciente. A psicanálise era então um tema praticamente desconhecido do grande público e Fitzgerald foi um dos primeiros romancistas do século XX a se aventurar por este complexo território.”Roberto Muggiati, trecho do prefácio “Uma tragédia envolvida em beleza que capta o brilho da busca pelo prazer e riqueza.”Express Ambientado na Riviera Francesa em fins da década de 1920, este livro narra a história de Dick Diver, brilhante psiquiatra que se casa com a paciente Nicole Warren. A vida do casal não é mais do que uma farsa: dominados pelo tédio, incapazes de dialogar, entre incessantes coquetéis, recepções e dinheiro, vivem numa atmosfera de falsa euforia. Fitzgerald foi o autor que melhor captou a aura da riqueza e seu efeito sobre a alma humana, mostrando a rotina dos novos ricos numa época em que a América decolava num binômio de prosperidade e hipocrisia. Obra marcante da Geração Perdida, Suave é a noite, em tom marcadamente autobiográfico, revela personagens com uma excepcional carga de realismo. Em 1962 o romance foi adaptado para o cinema sob a direção de Henry King, com Jennifer Jones e Jason Robards nos papéis principais. 

Espero que achem minhas escolhas interessantes e me contem se estão participando também!

É sempre um bom momento para ler um pouco mais.


Com amor,
Ana Luiza Martins Cesario

Comentários